Podcast YouTube
Podcast Spotfy
Slide
Slide

Sistema Faemg Senar participa de debate sobre trabalho decente na cafeicultura

Antônio de Salvo discursou no evento de Varginha (Crédito: Faemg)
Antônio de Salvo discursou no evento de Varginha (Crédito: Faemg)

Sistema Faemg Senar participa de debate inovador sobre trabalho decente na cafeicultura. O evento reúne autoridades e setor produtivo para discutir desafios e soluções

O Sistema Faemg Senar participou do evento “Pacto pela Valorização do Trabalho Decente no Café”, realizado no Centro de Excelência em Cafeicultura, em Varginha. O evento foi promovido pelo Ministério Público do Trabalho e Superintendência Regional do Ministério do Trabalho e Emprego em Minas Gerais, com a participação da Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado de Minas Gerais (Fetaemg) e da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais (Seapa).

O evento contou com mais de 200 participantes, incluindo produtores, trabalhadores rurais, sindicatos e autoridades. Foi realizada uma audiência pública em formato de ouvidoria, com o objetivo de identificar as principais questões enfrentadas pelo setor e implementar medidas para resolver os desafios do dia a dia dos trabalhadores e cafeicultores.

O presidente do Sistema Faemg Senar, Antônio Pitangui de Salvo, destacou a importância da cafeicultura para a economia de Minas Gerais e reafirmou o compromisso do setor com as boas práticas nas relações trabalhistas. Ele também destacou a importância da cartilha criada pelo Sistema Faemg Senar em parceria com o Sistema Ocemg, que serve como um guia sobre o trabalho sustentável e auxilia o produtor a desenvolver sua atividade contribuindo para o avanço da cafeicultura em Minas Gerais.

O procurador chefe do Ministério Público do Trabalho em Minas Gerais, Arlélio de Carvalho Lage, enfatizou a necessidade de colaboração ativa entre os produtores e trabalhadores para promover um ambiente de trabalho justo e seguro. O presidente da Comissão Técnica do Café do Sistema Faemg Senar, Arnaldo Bottrel, expressou otimismo e chamou à ação todos os envolvidos. O superintendente do Ministério do Trabalho e Emprego em Minas Gerais, Carlos Calazans, reforçou o compromisso de ouvir ativamente os diversos setores envolvidos na cafeicultura.

Autoridades presentes no evento de Varginha (Crédito: Faemg Senar)
Autoridades presentes no evento de Varginha (Crédito: Faemg Senar)

O evento contou com presenças de várias autoridades e representantes de entidades relevantes. Entre os presentes estavam:

  • Antônio Pitangui de Salvo, presidente do Sistema Faemg Senar
  • Renato Laguardia, vicepresidente de Finanças do Sistema Faemg Senar
  • Carlos Calazans, superintendente do Ministério do Trabalho e Emprego em Minas Gerais
  • Vilson Luiz da Silva, presidente da Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado de Minas Gerais (Fetaemg)
  • Gabriel Bezerra, presidente da Confederação Nacional dos Assalariados Rurais
  • Caio Coimbra, subsecretário de Política e Economia Agropecuária da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais (Seapa)
  • Vérdi Lúcio Melo, prefeito de Varginha
  • Arnaldo Bottrel, presidente da Comissão Técnica do Café do Sistema Faemg Senar
  • Arlélio de Carvalho Lage, procurador chefe do Ministério Público do Trabalho
  • Melina Schulze, procuradora do trabalho do Ministério Público do Trabalho

Além desses, o evento também contou com participações de presidentes de sindicatos da região, representantes de cooperativas, oficiais de comandos da Polícia Militar e outras autoridades.
A colaboração e a união foram enfatizadas como essenciais para promover um ambiente de trabalho justo e seguro na cafeicultura.