Podcast YouTube
Podcast Spotfy
Slide
Slide

Brasil: potência agroalimentar mundial

Carne está entre os principais produtos de exportação do Brasil (Wanderson Araújo/CNA)
Corte de carne especial, Picanha fatiada., carne vermelha

 

Um estudo do Insper Agro Global mostra que o Brasil é um dos principais produtores de commodities agroalimentares do mundo. O país é o quinto maior produtor global em valor de produção, com uma participação de 2,6%, atrás de Estados Unidos, China, União Europeia e Índia.

O estudo também mostra que o Brasil é um dos países que mais crescem em produtividade no setor agropecuário. Na produção de grãos, por exemplo, a produtividade brasileira cresceu 4,22% ao ano entre 1977 e 2023, enquanto a média mundial foi de 2,2%.

Perspectivas para os próximos dez anos

O estudo projeta que o Brasil manterá sua posição entre os principais produtores de commodities agroalimentares nos próximos dez anos. A produção brasileira de grãos deve atingir 389,4 milhões de toneladas em 2032/33, enquanto a produtividade deve crescer para 4,2 toneladas por hectare.

Desafios

Apesar dos avanços, o setor agropecuário brasileiro enfrenta alguns desafios, como a escassez de mão de obra, o aumento dos custos de produção e as mudanças climáticas.

Importância do agronegócio para a economia brasileira

O agronegócio é um dos setores mais importantes da economia brasileira. Em 2022, o setor representou 26% do PIB brasileiro e gerou 38% dos empregos do país.

Veja o estudo completo

O que isso significa

O Brasil é um dos principais produtores de commodities agroalimentares do mundo e tem um grande potencial de crescimento no setor. O país precisa superar os desafios que enfrenta para continuar a crescer e garantir a segurança alimentar global.

Algumas informações adicionais do estudo:

  • O Brasil é o maior produtor mundial de soja, café, açúcar e celulose.
  • O país é o segundo maior produtor mundial de carne bovina, frango e suína.
  • O agronegócio brasileiro é responsável por 40% das exportações brasileiras.